Quer fazer robô? É só usar Ruby!

Nessa vida de programador maluco
Me aparece cada situação
De repente um cliente, uma proposta bruta
Pra pegar de um site informação

Você tá louco, esse tipo de crime eu não faço
Se quiser tenho uns amigos lá do sul
Faz pra mim que eu te pago com essa jóia cool

Te dou um ruby
Pra você roubar
Com o seu robô

Quer fazer robô?
É só usar ruby
É só usar ruby
Pra fazer robô

Small EC2 cloud usage demo for choreographies

The CHOReOS middleware must be capable of providing the required runtime support to deploy, enact, monitor, and dynamically reconfigure large-scale choreographies. These choreographies might be large scale in one or more of the following dimensions: number of requests, users, roles, services, nodes, and communication among services. For instance, the middleware should be scalable enough to accommodate choreography with 1 thousand simultaneous users or with 100 different roles, or with 100 services for a given role, or with thousands of messages exchanged per second.

Continue reading

Dojo Ojod (ou Scrapheap Challenge)

No mês passado participamos de uma atividade promovida pela ThoghtWorks Brasil em Porto Alegre e organizada pelo Carlos Villela (CV). Eles aproveitaram a ocasião do FISL12 para organizar esse pequeno evento no confortável escritório que fica dentro do campus da PUC-RS. Foi pequeno em relação ao número de participantes (acho que éramos em uns 30), mas enorme em divertimento e aprendizado.

A brincadeira era uma espécie de Dojo, com regras um pouco exóticas. A ideia original foi do Nat Pryce e do Ivan Moore, e eles chamaram de Scrapheap Challenge, por causa do programa de TV, mas eu resolvi re-batizar para Dojo Ojod (um palíndromo de Dojo ao contrário), pois foi exatamente assim que o CV definiu (e que eu concordo muitíssimo): um Dojo ao contrário.
Continue reading

Palestra: Investigações em Arte Digital e Processamento de Imagens

Palestrante: Prof.Dr. Giorgio Moscati

Horário: 16 horas

Resumo: Uma contribuição inovadora da USP nas suas origens, em 1969, em colaboração com o renomado Artista Concretista Waldemar Cordeiro participei de uma rica experiência em Arte Digital, que foi logo reconhecida por especialistas internacionais como inovadora, e continua sendo amplamente citada até hoje. Pretendo relatar nossa colaboração, sua receptividade pelos artistas e a relação que tem com diversas áreas da Ciência, Arte e Tecnologia. O trabalho foi inovador no campo das tecnologias de comunicação visual, pois é considerado um dos primeiros trabalhos que envolveu processamento de imagem num novo nível, que hoje é a base da comunicação visual na televisão, e nas imagens apresentadas para o lazer e marketing. Foi também precursor no campo da análise de informações obtidas na forma de imagens e para sua interpretação. Outro aspecto importante, frequentemente lembrado é o da potencialidade da colaboração entre  especialistas em áreas diversas, capazes de se comunicar e interagir, em abordagens inovadoras em campos anteriormente inexplorados.
Continue reading

How Pixar Fosters Collective Creativity

I’ve just read an excellent article from the Harvard Business review magazine: “How Pixar Fosters Collective Creativity”. The article is written by Ed Catmull, the cofounder of Pixar and the president of Pixar and Disney Animation Studios. He describes how is the creation process of Pixar movies, and how this process changed and evolved since Toy Story, the first movie from Pixar.

There are some points in the article I’d like to highlight.

What is creativity?

Continue reading

Better Science Through Art – the talk

Common wisdom says that science and art are entirely different beasts; moreover, a similar source of wisdom tells us that science is valuable to society while art is a luxury. Why else would schools drop art from their curricula over the past 20 years? But artists and scientists approach their work in similar if not identical ways.

This presentation was created by Richard P Gabriel and presented at IME-USP – São Paulo on 31/Mar/2011 sponsored by CCSL

Continue reading