DevOpsDays – Agilidade em todos os níveis

Sexta passada estive no evento DevOpsDays, que aconteceu em Santa Clara (Califórnia), no escritório central do LinkedIn. O termo DevOps (criado por Patrick Debois) surgiu no final do ano passado, mais ou menos na época em que Andrew Schafer e Paul Nasrat deram uma palestra na Agile 2009 sobre Infraestrutura Ágil.

Onde Surgiu DevOps?

DevOps tem vários signifcados. O mais óbvio deles, como o próprio termo já diz, significa a união de Desenvolvedores (devs) e Operadores (ops) de Sistemas (também conhecidos como SysAdmins).

Em startups, é muito comum que não exista separação entre Devs e Ops. Nessas empresas, os técnicos sabem tanto escrever o software como dar manutenção e administrar os servidores de produção. Conforme as empresas crescem, começa a surgir a necessidade de especialização nas áreas de desenvolvimento e sysadmins (DBAs, Storages, Rede, Linux, Windows, etc). Problemas começam a surgir quando criam-se silos e a empresa fica dividida entre aqueles que criam o software e aqueles que mantém tudo funcionando em produção. Essa divisão pode ser muito nociva para a empresa, uma vez que os profissionais, ao invés de colaborarem para o sucesso da empresa, ficam num jogo de apontar o dedo um para o outro, na busca de um culpado que, convenhamos, pouco importa para o negócio.

DevOps tem o objetivo de trazer os conceitos e boas práticas aprendidas pelos Engenheiros de Software Ágeis para o mundo dos SysAdmins. Não só isso, DevOps também procura clarear para os desenvolvedores as preocupações (justas) e práticas dos SysAdmins. O principal trabalho do SysAdmin é manter tudo no ar. Qualquer coisa a mais que o desenvolvedor quiser, coloca em risco o trabalho o SysAdmin. O desenvolvedor tem que entender isso e trabalhar como parceiro do SysAdmin. Ele tem que se preocupar para que nada quebre em produção e estar disponível para ajudar o administrador caso algo dê errado. Faz parte do trabalho de devs e ops estarem alinhados e colaborarem um com o outro.
Continue reading

Random Hack of Kindness

This weekend I was working at the first Random Hack of Kindess mundial edition. There were 4 people in our team and we worked on a project called Urban Fact (Fato Urbano in Portuguese). The main idea of this project is to emphasize GOOD orBAD facts in your city. If you see someone throwing the garbage over the streets, just take a picture and post it on twitter using #urbanfact hashtag (or #fatourbano). This picture automatically  goes to the project website, where people can vote, comment and share with friends.
Continue reading