Small EC2 cloud usage demo for choreographies

The CHOReOS middleware must be capable of providing the required runtime support to deploy, enact, monitor, and dynamically reconfigure large-scale choreographies. These choreographies might be large scale in one or more of the following dimensions: number of requests, users, roles, services, nodes, and communication among services. For instance, the middleware should be scalable enough to accommodate choreography with 1 thousand simultaneous users or with 100 different roles, or with 100 services for a given role, or with thousands of messages exchanged per second.

Continue reading

DevOpsDays e Curso Grátis de Chef

No próximo sábado teremos o primeiro DevOpsDays Brasil. O evento será gratuito e terá a presença de palestrantes importantes na área de Cloud e Infra-estrutura de Internet. Quem fará o Keynote do evento será John Willis – VP de serviços da Opscode, empresa que está por trás do software Chef – um dos mais bem feitos softwares de Configuration Management.
Continue reading

DevOpsDays – Agilidade em todos os níveis

Sexta passada estive no evento DevOpsDays, que aconteceu em Santa Clara (Califórnia), no escritório central do LinkedIn. O termo DevOps (criado por Patrick Debois) surgiu no final do ano passado, mais ou menos na época em que Andrew Schafer e Paul Nasrat deram uma palestra na Agile 2009 sobre Infraestrutura Ágil.

Onde Surgiu DevOps?

DevOps tem vários signifcados. O mais óbvio deles, como o próprio termo já diz, significa a união de Desenvolvedores (devs) e Operadores (ops) de Sistemas (também conhecidos como SysAdmins).

Em startups, é muito comum que não exista separação entre Devs e Ops. Nessas empresas, os técnicos sabem tanto escrever o software como dar manutenção e administrar os servidores de produção. Conforme as empresas crescem, começa a surgir a necessidade de especialização nas áreas de desenvolvimento e sysadmins (DBAs, Storages, Rede, Linux, Windows, etc). Problemas começam a surgir quando criam-se silos e a empresa fica dividida entre aqueles que criam o software e aqueles que mantém tudo funcionando em produção. Essa divisão pode ser muito nociva para a empresa, uma vez que os profissionais, ao invés de colaborarem para o sucesso da empresa, ficam num jogo de apontar o dedo um para o outro, na busca de um culpado que, convenhamos, pouco importa para o negócio.

DevOps tem o objetivo de trazer os conceitos e boas práticas aprendidas pelos Engenheiros de Software Ágeis para o mundo dos SysAdmins. Não só isso, DevOps também procura clarear para os desenvolvedores as preocupações (justas) e práticas dos SysAdmins. O principal trabalho do SysAdmin é manter tudo no ar. Qualquer coisa a mais que o desenvolvedor quiser, coloca em risco o trabalho o SysAdmin. O desenvolvedor tem que entender isso e trabalhar como parceiro do SysAdmin. Ele tem que se preocupar para que nada quebre em produção e estar disponível para ajudar o administrador caso algo dê errado. Faz parte do trabalho de devs e ops estarem alinhados e colaborarem um com o outro.
Continue reading